A Umbanda vivencia o Evangelho de Jesus em sua essência através da manifestação do amor e da caridade prestada pela orientação dos Guias, Mentores e Protetores que recebem a irradiação dos Orixás. Encontramos no terreiro da verdadeira Umbanda entidades que trabalham com humildade, de forma serena, caritativa e gratuita; espíritos bondosos que não fazem distinção de raça, cor ou religião, e acolhem todos que buscam amparo e auxílio espiritual, conforto para dores, aflições e desequilíbrios das mais variadas ordens.

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Seguidores do Saravá Umbanda

sábado, 21 de julho de 2012

Conto de Preto

                                                      
             Caminhei com fé e com dor.

          Caminhei na fé e no amor.

          Caminhei com Deus e Nossa Senhora.

          Caminhei no chicote e fui banido de Angola.

          Minha vida inteira Caminhei, sonhando em algum dia ser um Rei.

          Rei de cor que nunca tive, para fugir do deslize, que não sei se tive.

          Eu sou um Preto, sou crioulo, Sou um Preto estimado.

          Minha vida foi sempre um Cajado, mais meu amor sempre teve ao meu lado.

          Amor de Preto era uma Senhora, que nunca me abandonou, nem mesmo na degola.

          Senhora Guerreira e Justiceira.

          A Nossa Senhora de ANGOLA.

          A Senhora dos Orixás, Mãe de todas as energias vitais, Mãe da natureza Feliz, Mãe dos Mortais e dos Imortais, a Minha Mãe Angola.

          Ai que saudade de Angola.

          Que agora não vejo mais, pois fui banido da minha Terra, para meus Caminhos de volta, jamais encontrar.

          Que Preto sou eu?

          Não sei dizer.

          Que Preto tu és?

          Não sei dizer.

          O que sei dizer e que Preto eu sou, e Branco foste tu que me maltratou.

          Sem pena e sem dor, e sem Amor.

          Mais Branco não tenha mais dó, pois agora finalmente sou Rei.

          Rei do meu amor.

          Pois morri e acordei na minha Angola.

          A Angola de Meu Pai, o Rei Redentor, o Nosso Senhor Deus Salvador.

          Angola de Luanda, Huambo e Benguela, Angola de Lobito e Lubango.

          Angola do Cristianismo, trazido pelos meus irmãos de cor de Rei, os Brancos Portugueses.

          Angola das minhas tradições tribais.

          A minha Mãe Angola, o meu Amor.

          Caminhei com fé e com dor.

          Caminhei na fé e no amor.

          Caminhei com Deus e Nossa Senhora.

          E nunca mais caminharei no chicote dos Reis de cor, que me baniram de Angola, o meu Amor.



        Autor : Ronaldo Jatapequara

2 comentários:

  1. " Adoro e tenho muito Respeito pelos Pretos Velhos. São de uma Sabedoria e Paciência ...
    sem igual. Bendito dia q conheci a existencia
    de Pretos Velhos como meu Guia, fiquei muito
    feliz! Salve Todos os Pretos Velhos!" Beth S.

    ResponderExcluir
  2. fiquei feliz pela postagem, fico grato pela divulgação do meu humilde trabalho... Salve a umbanda
    Ronaldo Jatapequara
    www.ronaldojatapequara.blogspot.com
    jatapequara@hotmail.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ouça os Pontos de Linha de Esquerda da Umbanda

"Reconhece-se o verdadeiro Espírita pela sua transformação moral e pelos esforços que faz para domar as suas más inclinações "

Allan Kardec

A Umbanda não é responsável pelos absurdos praticados em seu nome, assim como Jesus Cristo não é responsável pelos absurdos que foram e que são praticados em Seu nome e em nome de seu Evangelho. Caboclo Índio Tupinambá.

Baixar Pontos de Umbanda

DOWNLOADS-CDs de Pontos
DOWNLOADS-CDs de Pontos

Saravá

Estrela de Davi - Dois triângulos sobrepostos, reunidos formando um hexagrama simbolizam a harmonia entre os dois opostos. O resgate e a ascensão de todas as almas rumo à espiritualidade. Pois em verdade aquele que se encontra em grau mais alto possui um correspondente em grau mais baixo. Esta simbologia refere-se ainda, à não estaticidade da evolução, pois não existem dores e tampouco infernos eternos, uma vez que, se a evolução é infinita, aquele que se situa no ponto mais alto, ao evoluir, leva consigo todo sistema, sendo que o que está no grau mais baixo, por sintonia, também subirá. Saravá o Astral Maior!

SARAVÁ!
SA = Força, Senhor RA = Reinar, Movimento VÁ = Natureza, Energia.
Saravá significa então a força que movimenta a natureza. Saravá também pode significar "Salve" ou "Viva". Na Umbanda, Saravá também é utilizada como uma saudação possuindo o sentido de "Salve sua força!", da força de Deus e da natureza que estão dentro da pessoa, como no mantra indiano namastê, que significa: o Deus que tem dentro de mim, saúda o deus que tem dentro de você. Saravá!